França

Lyon – 10 Locais a não perder, Festa das Luzes e Mercado de Natal

Locais a não perder - Festa das Luzes - Mercado de Natal

Le Mur des Canuts
387visualizações

Olá World Citizens,

Lyon é a terceira maior cidade de França e ganhou o prémio de Melhor Destino Europeu do World Travel Awards em 2016.

Uma cidade que merece sem duvida uma visita, com vários edifícios Património da UNESCO e que entrou na minha lista de locais a visitar o ano passado quando me falaram da Fête des Lumières ou o Festival das Luzes, mas antes de vos falar um pouco sobre a famosa festa, vou vos dizer como chegar a esta bela cidade, vários locais a não perder e onde podem ficar a dormir.

Como Chegar:

Existem vários voos de Lisboa para Lyon, através da Easyjet e da Tap.

Chegando ao Aeroporto de Lyon-Saint-Exupéry, a melhor maneira para ir para a Cidade de Lyon é no Comboio Rhônexpress, a viagem dura cerca de 30 minutos e um bilhete simples ida e volta custa 26,20€ comprando online, nas bilheteiras é mais caro 27,80€ (com 2 meses ou mais de antecedência, o bilhete é mais económico 21,10€) a estação mais próxima do centro da cidade e ultima é Lyon Part-Dieu, daqui podemos depois apanhar o metro para o local mais próximo do alojamento, no meu caso fui a pé.

Nota Importante: O serviço não é de 24h, funciona só das 04:25 da manhã até há Meia Noite (00:00) e há de 15 em 15 minutos.

Onde Ficar:

Para ser sincera nesta viagem não perdi muito tempo com a procura de hotel, comprei o voo e esqueci-me completamente que esta festa anual da cidade é umas das mais importantes e que teria muitos visitantes logo isto faz com que os preços dos alojamentos subam para preços loucos, então reservei um dos hotéis qualidade/preço mais acessível.

Fiquei no Hotel Taggât e recomendo para quem visitar Lyon principalmente nesta altura.

Fica a uma distância aceitável das atrações principais em Lyon, acabando por fugir um pouco à confusão e gostei bastante do Hotel, era limpo, confortável e os funcionários muito simpáticos. Não escolhi com pequeno almoço, mas perto do hotel tem uns cafés muito bons com toda a doçaria francesa (croissant, pão com chocolate, baguetes…).

10 Locais a não perder numa visita à Cidade de Lyon

Vou vos deixar o meu Top 10 de locais a não perder na cidade, fora estes e para quem gosta (que não é muito o meu caso e não tive muito tempo, a cidade estava lotada) existem vários Museus na Cidade que vos podem interessar, tais como: Museu das Belas Artes, Museu das Confluências, Instituto Lumière, Museu GadagneMuseu Miniature et Cinéma, Museu Urbano Tony Garnier

Bairro Croix-Rousse

Foi um dos bairros que mais gostei de visitar em Lyon, cheio de vida, cafés, restaurantes, a arte está a cada esquina é só pararmos um pouco e observarmos à nossa volta.

Croix-Rousse
Croix-Rousse
Croix-Rousse
Croix-Rousse
Croix-Rousse
Croix-Rousse
Croix-Rousse
Croix-Rousse

Vieux Lyon (Velha Lyon)

É o maior bairro renascentista de Lyon e o distrito mais antigo da cidade.

Curiosidade: Foi o primeiro local em França a ser protegido pela lei Malraux, que protege os locais culturais do país.

Vieux Lyon
Vieux Lyon
Vieux Lyon
Vieux Lyon
Vieux Lyon
Vieux Lyon

Basílica de Notre-Dame de Fourvière

A Basílica é lindíssima e a sua localização excelente no topo Fourvière, um dos pontos mais altos da cidade, sendo um local ideal para apreciar as vistas para a cidade.

Basílica de Notre-Dame de Fourvière
Basílica de Notre-Dame de Fourvière
Vista da Basílica de Notre-Dame de Fourvière

Le Mur des Canuts

Retrata a vida de operários franceses em Lyon (é o maior da Europa e provavelmente o mais famoso).

Le Mur des Canuts
Le Mur des Canuts
Le Mur des Canuts

Le Fresque des Lyonnais

Contém personalidades mundialmente famosas que nasceram em Lyon, como o chef Paul Bocuse, o escritor do livro “O Pequeno Príncipe” e os irmãos Lumière.

Le Fresque des Lyonnais
Le Fresque des Lyonnais

Parque da Tête d’Or

É o maior parque urbano da França.

Parque da Tête d’Or – Imagem do Google
Parque da Tête d’Or Fête des Lumières – Imagem do Google

Praça Bellecour

É uma praça enorme no centro de Lyon, aqui podemos ver a estátua equestre de Luís XIV e também a do Pequeno Príncipe (conto infantil de Antoine de Saint-Exupéry) e é onde se encontra o posto de informações turísticas e os correios centrais, vários cafés e restaurantes.

Praça Bellecour

Rios Saône e Rhône

O rio Rhône junta-se ao rio Saône em Lyon.

Curiosidades: O nome Saône deriva da deusa celta dos rios, Souconna 

Rio

Praça des Terreaux

Uma bonita praça classificada como Património da UNESCO. Aqui podemos encontrar o Palácio Saint-Pierre, assim como a famosa fonte criada por Bartholdi, conhecida como Carro da Liberdade, o o Hotel de Ville e o Museu das Belas Artes.

Curiosidades: Durante a Revolução Francesa as pessoas eram decapitadas nesta praça, fazendo com que exista várias superstições sobre a mesma, uma delas é que a Praça deve ser atravessada na diagonal para não se ter azar na vida.

Hotel de Ville
Fonte Bartholdi
Praça des Terreaux

Catedral Saint Jean Baptiste

Foi construída no século XII, de estilo gótico esta catedral tem na sua fachada 320 medalhões esculpidos que representam episódios do Génesis, acontecimentos bíblicos e mitológicos. No interior podemos também apreciar um belo relógio astronómico.

Catedral Saint Jean Baptiste
Catedral Saint Jean Baptiste

Agora falando um pouco do famoso Festival que me levou a vir conhecer a Cidade de Lyon.

Fête des Lumières

Esta festa iniciou-se na Idade Média na altura em que o sul da frança sofria com a peste, então, os moradores da cidade de Lyon que veneravam a Virgem Maria fizeram a promessa à Virgem que se a epidemia da peste parasse a homenageavam todos os anos.

A epidemia passou e os habitantes de Lyon cumpriram a sua promessa, fazendo até uma estátua dourada da Virgem Maria em Fourvière, a inauguração estava inicialmente programada para 8 de setembro de 1852, mas devido às inundações do Rio Saône foi adiada para dia 8 de dezembro, nesta mesma noite, diz-se que, mal a chuva parou o céu clareou e todos os moradores de Lyon foram colocar velas na beira das janelas, iniciando assim início do Festival das Luzes.

Esta tradição permanece até aos dias de hoje e no dia 8 de dezembro, os moradores de Lyon (os “Lyonnais”) continuam a iluminar a beira das janelas. A partir de 1999 o  Festival das Luzes passou também a ser um evento com duração de 4 dias onde podemos também ver várias projecções de imagem em edifícios históricos.

Fête des Lumières
Fête des Lumières
Fête des Lumières
Fête des Lumières
Fête des Lumières
Fête des Lumières
Fête des Lumières
Fête des Lumières

Mercado de Natal em Lyon

Como a Fête des Lumières se realiza no inicio de Dezembro, já podemos encontrar também na Cidade Mercados de Natal, escusado será dizer que com um evento destes na cidade era que impossível visitar o Mercado e as suas barraquinhas devido à grande afluência de pessoas, mas ainda consegui dar uma pequena voltinha (parecia que estava no metro em hora de ponta e que só me conseguia mexer se as pessoas à minha volta se mexessem).

Mercado de Natal em Lyon
Mercado de Natal em Lyon
Mercado de Natal em Lyon

Feliz Natal World Citizens 🙂

World Citizen Girl

Deixar uma resposta